Oi oi gente hoje trago pra vocês uma super resenha pra vocês: A Extraordinária Garota Chamada Estrela, eu recebi esse livro da Editora Gutenberg pelo Grupo Autêntica e fiquei super feliz.

A Extraordinária Garota Chamada Estrela Nome Original: Stargirl
Editora: Gutenberg
Autor: Jerry Spinelli 
Gênero: Ficção/Literatura Infantojuvenil
Páginas: 192
Classificação: adadadadad

Skoob | Grupo Autêntica | Livraria Cultura | Vídeo-Resenha Garota It


Sinopse: A garota chamada Estrela. Ela é tão mágica quanto o céu do deserto. É tão estranha quanto seu rato de estimação. É tão misteriosa quanto seu próprio nome. Com um simples sorriso, ela captura totalmente o coração de Leo Borlock. Com sua alegria, ela incendeia uma revolução de liberdade e autenticidade no espírito de sua escola. No começo, os colegas encantam-se com ela por tudo o que a faz ser diferente. Mas isso começa a mudar, e Leo, apaixonado e apreensivo, percebe que a única coisa que pode salvá-la das críticas é a mesma que pode destruí-la: ser alguém comum. Nesta celebração do inconformismo, o premiado Jerry Spinelli tece um conto tenso e emocional sobre os percalços de precisar ser popular e da emoção e inspiração do primeiro amor.

Quando eu recebi o livro da editora, obviamente eu fiquei muito feliz e ansiosa pra ler, assim como todos os livros novos que eu tenho, mas normalmente essa minha vontade passa quando eu me deparo com algumas histórias que não me prendem, ou por mais que me prendam tem um vocabulário um tanto quanto requintado demais para mim, e com a Extraordinária Garota Chamada Estrela foi completamente diferente e tudo se encaixou bem.
Primeiro que o livro não é massivo, e pelo contrário, poucas páginas e uma leitura completamente gostosa e rápida, é um estilo de livro pra se ler em um dia, além de ser um livro que da vontade de reler várias vezes e sem sombra de dúvidas entrou pra minha listinha de favoritos.
O livro conta a história da passagem de uma nova garota na escola de Mica, quem narra a história não é a personagem principal, mas sim o Leo Borlock o garoto que acaba por se apaixonar por ela.
Estrela com certeza se tornou uma personagem da qual eu gostei muito desde o princípio do livro quando o Leo vê o quão diferente que ela é, mas como aquilo poderia ser de grande admiração.
"Ela era fugaz. Ela era hoje. Ela era amanhã. Ela era o aroma mais suave da flor de um cacto, a sombra fugidia de uma coruja marrom."
Ela é uma menina encantadora e foi isso que o Leo pode observar nela e gostar dela, assim como todos gostavam ou ao menos gostaram por um tempo, mas assim como qualquer pessoa diferente ela sofreu com repressão das demais pessoas, mas ainda tinha o Borlock.
Porém o Leo também sofreu por amar a Estrela, e ele com seu jeito não conseguiu suportar a pressão mesmo depois de tudo o que ela era e foi. A principio com suas roupas incomuns e seu ukelele que dedilhava para todos porque via a importância em todos, depois sem medir nenhum esforço pra ser a ideal pra Leo  e os demais.
"Abriu mão de si mesma por um tempo. Ela amava você o suficiente para isso. Que garoto incrivelmente sortudo você foi."
Leo falhou em alguns pontos com Estrela e os outros falharam ainda mais, acho que de certa forma porque todos não estavam propensos a um aura toda feita de bondade em seu meio, ou ainda por estranhem e temerem o diferente.
Essa garota que era Estrela com certeza deixou sua marca onde passou, ela incrível e apaixonante e acho que todas as pessoas de alguma forma deveriam ter um pouco dela em si, pois ela era sempre boa com todos e pra ela sempre tudo era bom e estava bem e ela era apenas ela sem se importar com os demais.
Acredito que o autor queria transmitir uma mensagem boa para todo o mundo criando esse ser que na minha opinião é mágico e mostrando que não se há problema em ser diferente. A Estrela nos ensina a observar pequenos detalhes, a se importar com as pessoas, a estar bem e o fazer o bem.
Acredito que esse livro é ideal pra trazer bons ensinamentos as pessoas e pra trazer mensagens positivas, principalmente quando estamos em momentos ruins.
Eu recomendo esse livro a todos e acredito que assim como eu se apaixonaria pela Garota Chamada Estrela.

Pessoas estrelas são raras!


2 Comentários

  1. Own que fofo o livro deve ser :3
    Eu não sou muito chegada a livros, mas acho que posso abrir uma pequena exceção hehe
    http://pontoevir.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Pois abra Kyara, pois é um universo incrível

    ResponderExcluir