Olá galera,

Hoje eu vim trazer uma resenha tripla. Isso mesmo, uma resenha tripla!!!

E porque eu resolvi fazer uma resenha tripla? Porque hoje vou falar daqueles 3 livrinhos fininhos que são leituras complementares da série Harry Potter.
E as postagem ganhou esse título pois muitas vezes quando esses livros são pesquisados pra compras na internet, eles vem em conjunto com o título "Biblioteca de Hogwarts" e os próprios livros em suas descrições vem dizendo que são propriedades da Biblioteca da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts. Sem mais delongas, vamos as resenhas:


Animais Fantásticos & Onde Habitam

Animais Fantásticos e Onde Habitam



Nome Original: Fantastic Beasts & Where to Find Them
Autor: Newt Scamander (personagem de J.K Rowling)
Editora: ROCCO
Páginas: 63
Gênero: Animais Mitológicos - Literatura Infantojuvenil
Classificação: 

Sinopse:Estas breves descrições são apenas uma amostra do que o leitor pode encontrar em Animais fantásticos & onde habitam , de J. K. Rowling, escrito sob o pseudônimo de Newt Scamander, e com prefácio do sábio Alvo Dumbledore. Ao livro, adotado pelos professores da Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts e considerado uma obra-prima, atribui-se a responsabilidade pelo bons resultados dos alunos nos exames de Trato das Criaturas Mágicas. E a obra não é recomendada só para estudantes. "Nenhuma casa bruxa está completa se não possuir um exemplar." Trata-se de um guia com mais de 80 espécies de animais e seus respectivos hábitos, costumes e origem.
Este exemplar lançado no mundo dos trouxas (não-bruxos) é uma duplicata do Animais fantásticos & onde habitam de Harry Potter, editado, inclusive, com notas informativas que ele e seus amigos fizeram à margem das páginas. Segundo Scamander, Animais... já está em sua 52ª edição e esclarece, entre outras dúvidas, o significado de animal para a comunidade mágica; fornece sua classificação; a percepção dos trouxas sobre esses seres; ensina como e por que mantê-los ocultos em hábitats seguros, desobediência esta que incorre em multa; e faz um histórico das normas impostas pelo Departamento para Regulamentação e Controle das Criaturas Mágicas do Ministério da Magia, ao longo dos séculos, para preservar as feras fantásticas e assegurar aos bruxos o prazer de apreciar seus poderes e beleza.

Eu fiquei louca quando ganhei os 3 livros desse universo de Harry Potter e como ano que vem sai nas telonas um filme baseado  em Animais Fantásticos e Onde Habitam, esse foi o que eu mais quis ler.
Eu li rapidão o livro, até porque como podemos ver ele tem pouquíssimas páginas; eu gostei muito do livro,  pois é muito bacana saber sobre todas as criatura mágicas do Universo Harry Potter, mas eu dei somente 4 estrelas pois o livro era somente isso e de fato eu não esperava mais, só que porém isso faz com que ele não seja tão interessante assim.
Dois pontos legais do livro, foi que na capa o autor está descrito como o Newt Scamander, e nisso vemos a genialidade da JK de criar um personagem que escreveu um livro e criar o livro desse personagem e vale lembrar que o Newt vai ser um personagem da trilogia que estará nas telonas e terá seu início a partir do ano que vem. Outro detalhe bacana do livro é  fato de nas páginas terem diversas anotações, já que o livro vem de uma edição que foi pertencente ao Harry, e isso é muito bacana que podemos ver que assim como todos os alunos "trouxas" normais que escrevem nos seus livros, Harry fazia isso e além do mais permitia que os amigos fizessem, já que encontramos a letra tando da Hermione como do Ron.
E tem duas observações muito bacanas sobre o livro:

A escritora escocesa J. K. Rowling cedeu todos os direitos de publicação desta obra para a Comic Relief, uma organização humanitária criada por comediantes britânicos para ajudar crianças carentes. Eles usam o riso para combater a pobreza, a injustiça e a calamidade.

Por exigência da autora, os nomes dos animais foram mantidos na Língua Inglesa, com a tradução entre parênteses. 


Quadribol Através dos Séculos

 Quadribol Através dos Séculos



Nome Original:  Quidditch  Through the Ages
Autor: Kennilworthy Whisp (personagem de J.K Rowling)
Editora: ROCCO
Páginas: 63
Gênero: Literatura infatojuvenil
Classificação: 

Sinopse:  Quadribol Através dos Séculos - Se você algum dia quis saber como surgiu o pomo de ouro ou por que o time dos 'Vagamundos de Wigtown' (Wigtown Wanderers) tem a estampa de um cutelo de açougueiro no uniforme, você precisa ler 'Quadribol através dos séculos' (Quidditch throught the ages). Esta edição limitada é uma cópia do exemplar guardado na Biblioteca Escolar de Hogwarts e consultado por jovens fãs do quadribol quase diariamente.
Eu também dei 4 estrelas pra esse livro, mas não é porque eu não tenha gostado tanto, afinal de contas vocês sabem que 4 estrelas é bom rs. Mas por ser um livro realmente muito técnico, e eu penso que qualquer bruxo de Hogwarts que não tivesse muito interesse no esporte acharia esse livro chato, pois ele é bem técnico, mas é uma excelente fonte pra pesquisa de algum possível trabalho sobre.
Eu gostei, pois  tem conteúdos que só sairiam da cabeça geniosa da tia Jo e que não ficamos sabendo de ler os livros de HP ou ver os filmes, é um livro realmente bom.

Outro fato interessante sobre esse livro:
A renda obtida na venda deste livro reverterá para o Comic Relief, que destinará o dinheiro ao seu trabalho de salvar vidas - um trabalho mais importante e mais surpreendente do que a segunda captura do pomo de ouro, em três segundos e meio, por 'Rodrigo Plumpton' (Roderick Plumpton), em 1921.



Os Contos de Beedle, o Bardo

Os Contos de Beedle, O Bardo



Nome Original: The Tales of Beedle The Bard
Autora: J. K. Rowling
Editora: ROCCO
Páginas: 107
Gênero: Literatura infatojuvenil Britânica
Classificação: 

Sinopse: Os Contos de Beedle, o Bardo - Os contos foram traduzidos das runas originais pela personagem Hermione, a partir do velho exemplar herdado por ela. São cinco histórias de fadas diferentes entre si. Histórias populares para jovens bruxos e bruxas, contadas há gerações aos filhos à hora de dormir. Pouco se sabe do passado de seu autor, apenas que Beedle, o Bardo, teria nascido em Yorkshire no século XV e possuía uma longa barba; mas suas histórias foram passadas de geração em geração e têm ajudado muitos pais bruxos. Não muito diferente dos contos escritos para pequenos trouxas.

Enquanto nos livros dos trouxas ela está ligada ao comportamento errado, aqui ela está associada aos heróis e às heroínas que são capazes de realizar mágicas para ajudar os outros. Só que ao mesmo tempo bruxos e bruxas descobrem que esta mesma magia pode lhes causar dificuldades e nem sempre é a solução para todos os problemas. Assim como em alguns contos de fadas, as histórias de Beedle podem assustar criancinhas, mas, por outro lado, as inspiram a serem honestas e a usarem seus poderes para o bem, algo que Dumbledore ressalta a todo momento em suas anotações.
A primeira das histórias, “O bruxo e o caldeirão saltitante”, tem como protagonista o filho de um bruxo muito bom que, após a morte do pai, decide não ajudar os outros como o pai o fazia; “A fonte da sorte” mostra a busca de três bruxas e um cavaleiro por uma fonte, cuja água concede boa sorte a todos aqueles que nela se banharem; em seguida, a mais assustadora das narrativas, “O coração peludo do mago”, sobre um velho bruxo incapaz de amar e uma donzela que em muito lembra as donzelas dos contos de fadas trouxas; antes da já conhecida “O conto dos três irmãos”, Rowling apresenta as aventuras da esperta “Babbity, a coelha, e seu toco gargalhante”.
Os contos de Beedle, o Bardo comprovam mais uma vez o talento de J. K. Rowling para transportar o leitor para o seu universo mágico e único. Pegue sua vassoura, alguns galeões e vá buscar o seu!

 Dos três livros que conhecemos como a "Biblioteca de Hogwarts" esse foi o que eu mais gostei e o que me mostrou que eu posso amar livros de contos.
Esse é um livro que nos apresenta as chamadas "histórias de fada do mundo bruxo", e é bem legal pois sabemos como os pais bruxos introduziam histórias fictícias e lendas aos seus filhos, assim como acontece no mundo dos trouxas.
Um dos pontos legais do livro é ele nos dizer que as histórias foram traduzidas das antigas runas pela Hermione e outro fato muito interessante desse livro é de que ele tem a o conto dos "Três Irmãos" que é a história que nos é apresentada em Relíquias da Morte e a história onde explica sobre as Relíquias. Esse livro eu super recomendo!


Eu acho sempre bom expandir o universo de Harry Potter e esses livros são o que chamamos de a Mão na Roda para isso. Para quem é fã eu super recomendo esses livros, eles são essenciais e super complementares.



E você já leu algum desses livros? O que achou? Deixa aí nos comentários. E até a próxima.

PS: Um agradecimento especial a Ju que colaborou com as fotos <3


                                                                     XOXO!!

Twitter   Facebook  Instagram  Tumblr  Skoob  Filmow  Banco de Séries  


Deixe um comentário